Por Ícaro Guimarães

12/08/2019

Telefone IP DECT ou Wi-Fi? Comparamos os dois para você escolher o melhor

Blog - Post DECT ou Wi-FI

Desde que lançamos a Linha KDECT, nos deparamos com muitas perguntas sobre capacidade, resistência e cobertura nos mais diversos cenários. Porém, o questionamento campeão vem do comparativo entre o padrão DECT (Digital Enhanced Cordless Telecommunications) e o já disseminado Wi-Fi. Existe algum melhor para o ambiente corporativo? O que é preciso avaliar antes de levar tais sistemas de telefonia sem fio para escritórios, armazéns, hospitais e fábricas? Confira a análise completa: 

 

A solidez do protocolo DECT

O DECT foi criado na Europa na década de 90 e, logo no início, começou a ser usado amplamente como babá eletrônica. De lá pra cá, mais mercados o adotaram como principal fonte de comunicação sem fio. Sua principal vantagem é operar em rede própria, o que atribui dois benefícios importantes: pouca interferência e menos manutenção.

Essa maturidade garantiu ao DECT o primeiro lugar no pódio quando o assunto é cobertura eficiente em grandes espaços, mas o distanciou da popularidade, por não ser gratuito. Para usufruir de todas as suas vantagens é necessário investir em uma infraestrutura composta por base, repetidores e telefones compatíveis. 

“É importante ressaltar que o DECT utiliza uma faixa de frequência com largura de banda estreita. Característica que resulta em uma ótima transmissão de voz, completamente estável, mas com possibilidades de lentidão na transmissão de dados” –  evidencia Lucas Melo, desenvolvedor de Produtos da Khomp.

 

Wi-Fi e seus desafios

O debate ganhou forma com a chegada do Wi-Fi, ou protocolo 802.11, por volta dos anos 2000.  Como opção de telefonia VoIP, seu maior atrativo sempre foi possuir uma infraestrutura única, reduzindo consideravelmente os custos operacionais. Porém, ao contrário do DECT, esse tipo de rede foi projetada inicialmente para transportar dados, não voz. Com isso, surgem muitos desafios relacionados à qualidade da chamada. 

O Wi-Fi não tem mecanismos embutidos que priorizam pacote de dados sobre voz, isso significa que ele estará sempre disputando espaço com smartphones ou laptops que estejam na mesma rede. O resultado são lacunas em áudios e quedas constante de ligações. 

Outro déficit percebido nos telefones VoIP que utilizam tecnologia Wi-Fi é a insuficiência em cobertura.  O bom desempenho acontece apenas quando os telefones estão localizados dentro de estações de trabalho pequenas e fechadas. Essa mesma eficiência não se dá em áreas externas ou espaços muito amplos.

 

DECT ou Wi-Fi? Tabela comparativa:

 

CARACTERÍSTICAS Wi-Fi DECT
Maior alcance   x
Mais suscetível a interferência  x  
Capacidade de roaming x x
Menor custo com Infraestrutura x  
Segurança   x
Qualidade de voz   x
Maior capacidade para conversas simultâneas   x
Estabilidade para transmissão de voz   x
Velocidade de dados x  

 

Conheça a Linha KDECT

Composta por Base, Handset 10 e Repeater, a Linha KDECT é a primeira família de dispositivos Khomp a utilizar o protocolo DECT (Digital Enhanced Cordless Telecommunication) como matéria prima.

A linha veio como resposta à gigante demanda por telefones IP sem fio com alta qualidade de voz, zero interferências e handover – capacidade de mobilidade entre células com a chamada ativa.

 

Pack KDECT - Post DECT ou Wi-FI

 

 

Quer saber mais?

Para conhecer todas as funcionalidades da Linha KDECT da Khomp, consulte a página do produto e/ou nossos Consultores Comerciais. 

Produzimos um Guia com Boas Práticas antes da Instalação dos dispositivos KDECT na sua rede. Faça o download clicando no banner abaixo:

Banner - Boas práticas KDECT

Facebook Twitter Linkedin

De acordo com nossa política de privacidade, nós utilizamos cookies para garantir que você sempre tenha a melhor experiência ao visitar nosso website. Saiba mais